Protege Minas

Imprimir

O Protege Minas tem como objetivo principal apoiar os Municípios e hospitais filantrópicos, que encontram dificuldade na aquisição de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) para uso peos agentes e profissionais de saúde, no âmbito do combate à pandemia do Coronavirus.

Primeira Fase:

Por meio de recursos próprios do Estado de Minas Gerais, foi constituído um estoque de EPIs, com materiais como máscaras descartáveis, luvas de procedimento, toucas e aventais, que foram fornecidos aos beneficiários supracitados, a preço de custo, conforme os respectivos processos de compras realizados pelo Estado.

A Primeira Fase foi concluída com o término do estoque físico. Ao final dessa etapa, 110 municípios e/ou entidades mineiros foram atendidos.

 

Todas as informações referentes à Primeira Fase estão disponíveis abaixo, na Apresentação, Fluxograma e Passo a Passo do Protege Minas. Constam ainda todos os processos de compras realizados que atenderam à Primeira Fase.

 

- Apresentação Protege Minas 

- Fluxograma Protege Minas

- Passo a passo

- Quantidade de Profissionais

- Formulário de Demanda Municipal

 

COMPRA 1

COMPRA 2

COMPRA 3

COMPRA 4

COMPRA 5

COMPRA 6

 

Segunda Fase:

Agora, as prefeituras que necessitam dos equipamentos de proteção para profissionais que atuam na linha de frente no combate à Covid-19, poderão comprá-los diretamente do fornecedor, por meio de adesão em regime de “carona” à atas de Registro de Preços decorrentes de processos licitatórios executados pelo Governo de Minas.

A cidade ou o hospital filantrópico com interesse em comprar os EPIs  poderá entrar em contato através dos e-mails: comprascentrais@planejamento.mg.gov.br e gestaorp@planejamento.mg.gov.br.

 

 

 

Coordenação do Projeto Protege Minas

Governo do Estado de Minas Gerais

protegeminas 140 49